Bergamaschi - Advogados Associados

Policiais civis aprovam greve por tempo determinado

05/10/2017

Em assembleia geral realizada à tarde de quinta-feira, dia 5, os agentes policiais aprovaram greve por tempo determinado. A categoria é representada pelo Sindicato dos Escrivães, Inspetores, Investigadores e Comissários de Polícia do Rio Grande do Sul (Ugeirm), que convocou a assembleia. O escritório Begamaschi Advogados Associados acompanhou as deliberações.

Por ampla maioria, os policiais decidiram iniciar o movimento paredista às 8 horas da manhã da próxima segunda-feira, dia 9 de outubro. A greve deve ser encerrada no dia 17 de outubro, data que o governo estadual anunciou a integralização do pagamento de salários referentes ao mês de setembro. 

Após 21 meses de parcelamento de salários, não houve nenhum crédito de vencimento para os policiais civis no mês de outubro. O não-pagamento de salário é um dos principais pontos da pauta de reinvidicação da categoria, que ainda inclui a publicação de promoções, acolhimento de pedidos de aposentadoria nos termos da lei vigente, retirada de presos das delegacias de Polícia, dentre outros pontos.

Durante o período de greve, 30% dos policiais permanecerão em atividade para manter serviços essenciais, mantendo o registro de crimes graves.

Leia aqui a notícia publicada pela Ugeirm/Sindicato. A deliberação repercutiu na imprensa gaúcha, conforme se verifica no noticiário online da RBS, Sul 21 NH

Crédito da imagem: Ugeirm/Sindicato